X

8 EPIs para a segurança de motoristas de caminhão

Arthur Moraes 27 de Abril de 2022

8 EPIs para a segurança de motoristas de caminhão


Você sabia que de acordo com o Ministério do Trabalho é obrigatório o uso de itens de proteção individual? Listamos os essenciais aqui.


A segurança no trabalho é essencial para o exercício de qualquer profissão, porém em atividades que envolvem maior exposição a riscos, o uso de EPIs se torna uma obrigação legal que deve ser observada tanto pela empresa, como por seus colaboradores, independentemente do formato de vínculo, se empregatício ou contratual.


Na rotina de trabalho dos motoristas de caminhão a obrigatoriedade do uso de equipamentos de proteção individual não é diferente, uma vez que estes trabalhadores estão diariamente expostos aos perigos das estradas e dos diferentes tipos de cargas que transportam por este Brasil. Condição que faz do atendimento as normas de segurança um agente gerador não apenas de benefícios para a saúde, mas também de maior conforto e rendimento profissional. 

O tema embora importante, ainda é motivo de muitas dúvidas, principalmente por parte daqueles que necessitam fazer uso destes itens no exercício de suas funções. Pensando nesta problemática e na melhor forma de solucioná-la, listamos 8 EPIs essenciais no dia a dia de trabalho dos motoristas de caminhões de acordo com a NR nº 6 do Ministério do Trabalho e a Norma 9.735/2006 da ABNT. E, como cada um deles pode reduzir o risco de exposição a situações que ofereçam ameaças graves a saúde deste trabalhador. 

1. Luvas – sua classificação e modelo precisam ser definidas de acordo com o tipo de carga a ser transportada e as atividades diárias que serão realizadas. O ideal é ter sempre um kit reserva com luvas de raspa, indicadas para carregamento de produtos e manuseio de ferramentas, de malha, comumente utilizada em serviços mais leves, e de látex, ideal para quem lida com óleos e substâncias perigosas. É importante estar atento ao tamanho e as indicações técnicas presentes na embalagem;

2. Protetor auricular – os problemas auditivos lideram o ranking de moléstias profissionais, ou seja, aquelas desencadeadas pelo exercício da profissão. Por isso a proteção dos ouvidos se faz tão fundamental no momento da descarga ou carregamento do caminhão em locais com alto nível de ruídos.

3. Óculos de proteção – sejam eles transparentes ou escuros, os óculos de segurança devem conter certificado de aprovação dos órgãos competentes para garantir a efetividade da sua utilização, inclusive durante o manuseio de produtos químicos.

4. Capacete – além de proteger a cabeça da possível queda de objetos durante o embarque ou desembarque de produtos, ter este equipamento sempre a mão é uma proteção importante também contra tombos e batidas. 

5. Colete refletivo ou luminoso – indispensável por quem circula por rodovias, seu uso permite que o motorista seja visto a grandes distâncias, caso exista a necessidade de transitar pela via ou acostamento, durante a solução de panes ou outros problemas relacionados a viagem e o caminhão.

6. Máscara de proteção semifacial – adquiridas de acordo com o uso especifico de cada atividade, as máscaras protegem o sistema respiratório de partículas nocivas à saúde, sejam elas gases, vapores, orgânicos ou fumo, além da presença de produtos químicos e poeira de suspensão.

7. Respirador para pó – abriga as vias respiratórias contra a poeira e aspiração de produtos nocivos a saúde, como o minério de ferro, sabão em pó, sal e névoas de ácido, entre outros. 

8. Bota de segurança – importante proteção contra perfurações, este EPI também possui papel essencial na prevenção de lesões causadas na parte superior dos pés. O mercado oferece hoje diversas opções de modelos que ofertam proteção e estilo, porém é essencial na hora da compra, que mais do que beleza a bota seja funcional, segura, na numeração adequada e com bico de aço ou polietileno. Não se deixe enganar!

O uso correto dos equipamentos de proteção individual mais do que uma obrigação legal, é a garantia de que mesmo exposto a perigos, o motorista terá sua saúde preservada se estiver atento e devidamente protegido dos riscos aos quais se expõe no seu exercício profissional. 


Quer receber nossos conteúdos?

Newsletter
Next Post

Próximo Post

Agricultura de precisão: Tenha maior produtividade

27 de Abril de 2022

Posts relacionados

Agora que você já conhece mais sobre como economizar com manutenção dos veículos, que tal simplificar também a sua gestão de frotas? Conheça o Delta Fleet!